1.3.07

Parem as máquinas: Greve na "Isto é"

"A revista IstoÉ, terceira maior semanal de informação do Brasil, pode não circular na próxima semana. Em assembléia realizada ontem (28), jornalistas e funcionários administrativos da Editora Três - que publica a revista - aprovaram o estado de greve, devido a atraso nos pagamentos".

A informação é do site da CUT.

"Jornalista deve fazer greve ou cobrir greve?". A pergunta, feita no tempo das primeiras "sublevações" nas redações capixabas não deixa de ser curiosa. Imagine se, naquele tempo (no tempo da vovó) todos os jornalistas paralisassem suas atividades. Quem iria noticiar a manifestação dos próprios?

Na década de 80, houve uma grande greve no jornal A Tribuna. Nas páginas de seu maior concorrente, A Gazeta, nem uma nota. Então os próprios jornalistas fizeram uma publicação, "A Tribuna Livre", para explicar o por quê da greve e etc, convertendo-se em, além de jornalistas em atividade, jornaleiros.

Não tinha blog naquela época.

2 Gritos:

Blogger Fabrício said...

Há mais entre o céu e a terra...

Por Reinaldo Azevedo:

"
Tanure de volta à negociação; "IstoÉ" em greve
Nelson Tanure havia se afastado das negociações para comprar a Editora Três, que publica a revista IstoÉ, mas está de volta. E Daniel Dantas, dono do Opportunity, continua na disputa. Os dois contam com a simpatia de José Dirceu, um consultor de empresas privadas. Eu, sinceramente, gostaria de saber por que um banqueiro inegavelmente bem sucedido se interessa tanto assim por jornalismo — posso lhes assegurar que não há competência possível que faça esse ramo render mais do que um banco. Não em operações regulares ao menos. A redação da revista IstoÉ entrou em greve."

12:05  
Blogger Fabrício said...

Negócio fechado. A IstoÉ teve 51% de suas ações compradas por José Dirceu... oh... digo... por Daniel Dantas...

16:52  

Postar um comentário

<< Home

FREE hit counter and Internet traffic statistics from freestats.com